FAQ's    Horta

 

Perguntas Mais Frequentes

 

 

 

 

Bernas Jesus - Boa noite. Eu queria saber um bocado mais acerca das abóboras e assim eu tenho abóboras e o que acontece e que elas quando ficam a começar a ficar grandes por baixo começam a ficar moles e chegam a apodrecer e quando isso acontece eu meto qualquer coisa por baixo delas mas gostaria de saber qual o melhor método par lidar com a situação visto que chega a um ponto que não desenvolvem mais. Cumprimentos.

AM - Boa tarde A abóbora não deve estar em contacto com a terra, sob pena de apodrecer. Quando começa a desenvolver-se convém pôr por baixo da abóbora palha ou fetos ou algo macio para a proteger da humidade e que deixe escoar a água.Cumprimentos e ao dispor.

João Jesus - gostaria de saber qual o procedimento que deva ter quando nascidas as abóboras? Quantas vezes ao dia devo regar, se preciso de adubar a terra. Cumprimentos.

AM - Boa tarde Deve fazer a eliminação de plantas/ervas daninhas (pode optar por utilizar palha ou mato ou mesmo folhas de árvores que fazem de cobertura do solo, evitando o aparecimento de plantas invasoras). Efectuar a adubação cerca de 30/40 dias depois do plantio (com esterco de curral ou de galinha ou adquirindo adubo para o efeito). Desbaste as aboboreiras que apresentem sinais de estarem menos desenvolvidas quando já tiverem 3 a 4 folhas. Opte por deixar uma ou duas por covacho. Regue diariamente de manhã ou ao final do dia mas sem encharcamento do terreno. Tente ainda não molhar as folhas e as flores – regue junto ao solo. A partir do momento em que o fruto nasça terá de evitar que venha a apodrecer por estar em contacto com terra húmida ou molhada. Se preferir o melhor será colocar por baixo de cada abóbora um bocado de madeira, lage ou outro material que permita que o fruto fique seco evitando o seu apodrecimento. Deverá ter em atenção a possibilidade do aparecimento de oídio, (que afeta as folhas expondo-as às queimaduras do sol) ou de míldio (causado por fungos, deixa lesões e manchas esverdeadas e púrpura nas folhas). Poderá aplicar a calda bordalesa como fungicida preventivo. Cumprimentos e ao dispor.

Enrique - Gostaria de saber se me poderiam esclarecer uma dúvida. Li na vossa página na secção de horticultura que quando nasce uma haste floral à cebola quer dizer que a semente não é de boa qualidade. - No entanto gostaria de saber se a partir desse "fruto" sairão sementes (as tais bolinhas negras) e se essa semente será boa para semear? - Existe alguma possibilidade de saber se quando se compra cebolo (tamanho de um lápis) para transplantar/semear ele é de boa qualidade?

AM - Boa tarde. É da haste floral que sairão as sementes para nova sementeira. Esta sementeira, geralmente, é feita em tabuleiros com compartimentos onde é previamente colocada terra devidamente adubada para melhor germinação. Não é muito fácil saber a qualidade da cebola, a não ser que se deixe "espigar" e depois se utilizem as sementes para fazer nova sementeira. Contudo, as cebolas que espigam cedo, prematuramente, são cebolas que provêem de sementes de qualidade mais reduzida. Dificilmente saberá pelo cebolo se é ou não de boa qualidade. Diz-se aqui que a melhor cebola é a saloia porque em casa não espigam tão cedo. O bolbo é de tamanho médio. Para ter sementes não arranque a cebola da terra e não quebre a haste no final do seu ciclo de desenvolvimento para que possa espigar. Cumprimentos e ao dispor

António Alexandre – Bom dia, Gostaria de saber se as cebolas devem ser regadas até próximo da colheita, visto que o tempo já vem bastante quente e o solo é arenoso, muito permeável. Cumprimentos

AM - Boa tarde. Depende muito das localidades, mas a cebola não gosta muito de água. Na minha zona (Oleiros) apenas as regamos enquanto os canos estão verdes. Após esta fase os canos são deitados (amassados) para que a cebola encasque, mas já sem água. Se optar por regar, deve fazer uma rega muito moderada. Por curiosidade, pode ver o nosso trabalho sobre a cebola neste link (e respectiva ficha técnica): Cumprimentos e ao dispor

Berna Jesus - Bom dia. Eu gostaria de colocar uma questão sobre curgetes. Quase nunca crescem e gostaria de saber porquê? As abóboras estão a ficar moles. Qual a possibilidade de não morrerem? O que se planta em Agosto, Setembro, Outubro, Novembro, Dezembro e Janeiro? Sem mais, cumprimentos.

AM - Boa tarde. O facto das abóboras estarem moles não significa que tenham algum problema. Na realidade só enrijecem quando a folha começa a secar e as abóboras ficam criadas. No que diz respeito às courgettes é importante que saiba que as boas courgettes não devem ser grandes, ou seja, não devem ultrapassar os 20 cm. De qualquer forma pode ser que tenha semeado/plantado courgettes de qualidade pequena. A terminar, e para que saiba o que fazer nos meses que indica, sugerimos que visite o Hoje é dia de... - é já um princípio. Basta clicar em cima de cada mês. Com os melhores cumprimentos,

Icílio Brás - Boa tarde. Quantas sementes de ervilha devo colocar em cada cova para garantir uma boa produção? Obrigado.

AM - Para garantir uma boa produção deve apenas semear-se uma semente; Contudo e por precaução poderá colocar-se na cova 2 sementes para o caso de uma não germinar. As ervilhas são semeadas como é semeado o feijão. Fazem-se regos com pouca profundidade onde se colocam as sementes à distância aproximada de 4 ou 5 cm. Cobrem-se com terra do rego seguinte. Poderá no final arrasar-se a terra ou não.

Bom dia Sr. António Martins, Ao realizar os preparativos para a sementeira da fava e ervilha, verifiquei que uma grande parte está furada e algumas sementes ainda no seu interior contêm um "bicharoco" que não identifico. Também identifiquei a mesma situação no feijão. Agradeço que identifique a melhor forma de combater esta praga! Outra questão: a semente furada já não dá para semear? Muito obrigado pela atenção. Cumprimentos,

AM - Boa tarde. O "bicharoco" é o gorgulho. As sementes furadas podem, de uma maneira geral, não estar em condições de semear, pois podem não germinar. Para combater o gorgulho deve colocar as sementes em local hermeticamente fechado e guardá-las no frio ou até congelá-las. Cumprimentos,

Manuel J. T. Tordo - Aceitem por favor os meus sinceros cumprimentos. Tenho muito interesse em saber como se produz aguardente de bagaço. Já consegui descobrir diversos fabricantes de Alambiques, uns novos, outros usados e surpreso fiquei por verificar a existência de tamanhos tão variados. - Na eventualidade de adquirir um alambique de 100 litros, qual a quantidade de bagaço que irei usar? - Na eventualidade de serem usados os referidos 100 lts ou kgs de bagaço, no final da produção, quantos litros serão apurados de aguardente? - Partindo sempre do pressuposto que posso usar um Alambique de 100 Litros, quanto tempo vai demorar a efectuar a destilação? - Qual o preço médio de 100 kgs de bagaço? - Só posso adquirir bagaço na altura em que se pisam as uvas ou é possível comprar maiores quantidades sem correr o risco de se estragar? Atenciosamente, sou com a máxima consideração e estima

1 - Para um alambique com a capacidade de 100 litros deve colocar cerca de 60 Kg de bagaço, é sempre um pouco acima do meio da capacidade total. Se para além do bagaço tiver mosto misturado pode ultrapassar ligeiramente esta quantidade. 2 - A quantidade final de aguardente está sempre dependente da qualidade do bagaço. Não há uma regra. Durante a destilação tem que ir medindo a graduação para apurar o valor final pretendido. A primeira aguardente sai acima dos 30.º e a última abaixo dos 20.º. O processo termina quando obtiver a graduação que pretende. Posso adiantar que deverá conseguir entre 7,5 a 9 litros por cada 60 kg de bagaço. 3 - O tempo da destilação depende da graduação final pretendida, mas em média, num alambique de pressão demora cerca de 30 a 40 minutos. 4 – O preço do bagaço depende de cada produtor. O melhor seria ter a sua própria vinha, porque se vai comprar o bagaço, corre o risco de ele já estar muito espremido, e consequentemente, muito seco, seu açúcar. Por regra não há um mercado de bagaço – ou os produtores de aguardente o produzem ou é oferecido por outros produtores de vinho. Na minha região, não se vende bagaço – ou é do produtor ou de amigos que o dispensam a quem quer fabricar aguardente. 5 – O bagaço deve ser usado para o fabrico de aguardente 20 dias após as uvas serem esmagadas. Se para além do bagaço quiser também usar o mosto, a aguardente deve ser fabricada após 30 dias. Se não o fizer nesse período, o bagaço pode azedar. Para mais informações aconselhamos a leitura deste trabalho Cumprimentos,

Ana Marques - Cansada de regar e gastar água em plantas e flores sem ter nenhum proveito, decidi plantar hortícolas como se fosse um jardim. Saí-me bem com as alfaces e com os morangos, agora as couves não consegui nada de jeito. Crescem pouco e as folhas são muito rijas. Poderão ajudar-me e dizer-me o que devo fazer? São couves tronchudas e não desenvolvem.

AM - Boa tarde. No que se refere ao facto de as folhas serem rijas está relacionado com a água, a terra tem pouca humidade. Não deixe a terra muito seca. Mantenha-a fresca. Atenção às ervas daninhas ou outras plantas que cresçam por baixo ou perto das couves e que possam competir com estas, quer no que se refere à água, quer aos nutrientes da terra. Agora, é importante saber se se trata de semear ou plantar couves. Se estiver a tentar produzir couves através de sementes (semear) o facto da couve não crescer pode estar relacionado com a própria qualidade da semente. Cumprimentos e ao dispor.

Vanderlei Leite da Silva - Estou implantando no meu quintal alguns canteiros económicos, com as dimensões de 5m de comprimento e 1,20 de largura, onde irei trabalhar o cultivo de diversas hortaliças e plantas medicinais. já comprei as sementes (coentro, alface, pimentão, couve, cebolinha, repolho, beterraba, tomate) inicialmente trabalharei nas sementeiras e em seguida com o transplante. Pergunta: Quais as hortaliças companheiras? Como fazer o consorciamento das hortaliças? Um grande abraço,

AM - Boa tarde Pode fazer as seguintes combinações: Coentro com qualquer uma das sementeiras que refere no seu e-mail, excepto o tomateiro porque este pode ficar com o sabor do coentro. O coentro também não deve ser semeado juntamente com outras ervas de cheiro. - Couve com repolho - Cebolinho com alho francês - Beterraba com cenoura - Tomate com pimentão - Alface com aipo (OBS: alho francês, cenoura e aipo, são espécies não contempladas no email) Aconselho-o ainda a ter em atenção a qualidade das sementes para poder ter uma boa produção. Alerto também para a época própria de cada sementeira. Cumprimentos e ao dispor.

Luísa Barbosa - Boa tarde, Acabo de descobrir o v/ site ''Ruralidades'' , precisamente quando fazia a pesquisa sobre uma questão relacionada com couves. Então, atrevo-me a escrever-vos. Talvez tenham a resposta à minha pergunta e queiram fazer o favor de me informar. Tenho no meu quintal plantadas umas couves, daquelas de crescimento rápido, de folhas enormes, e que já comi muitas vezes, em caldo verde e noutras sopas. Estão expostas ao sol, cresceram muito bem, as folhas são lindas... Mas, acontece que com o calor – julgo eu – começaram a ter com uma espécie de cinza sobre as folhas. Quando as cozinho até fica no tacho essa mesma poeira acinzentada. E quando passo os dedos e limpo as folhas e retiro a tal poeira ficam verdinhas e muito mais frescas. Fica-me, então, nas mãos uma crosta que faz impressão na pele. A pergunta é: de que se trata? Posso comer essas folhas ou são más para a saúde? Muito obrigada pela atenção. Os meus cumprimentos,

AM - Boa tarde. O problema não está no sol. Na verdade, as suas couves estão a ser atacadas por uma praga de fungos. Para a combater deve comprar um fungicida (com um período activo curto para não queimar as couves). Em suma, as couves têm ferrugem, mas podem ser consumidas após serem muito bem lavadas. Cumprimentos,

Fernando S. Barreira - Boa tarde. Gostava, se possível, que me indicassem um tratamento natural contra os pulgões das couves. Com os meus melhores cumprimentos.

AM - Boa tarde. Para evitar o aparecimento de pulgões nas couves, poderá optar pela seguinte sugestão de tratamento biológico: a) Durante a estação quente prepare uma calda fervendo e misturarando 4 litros de óleo mineral com 1/2 kg de sabão à base de óleo e dois litros de água. Junte vinte partes de água para uma parte deste preparado e aplique de imediato. Não utilize esta calda em citrinos para não provocar danos na folhagem; b) Para controlo de infestação em áreas pequenas faça uma calda de fumo; c) Previna os ataques com limpezas de poda e própria planta com um pano humedecido com água e sabão neutro; d) Contra a introdução de predadores, coloque sobre os legumes uma rede fibrosa. Cumprimentos,

Bernardo Jesus - Boas tardes. Há uns tempos plantei milho um pouco fora do tempo mas ficou muito basto e já sei que não o deveria ter plantado assim. Por isso deixei a terra em pousio. Se o plantar um a um, com um pouco de espaço, em Janeiro é a época correcta? Também comprei umas couves de repolho para plantar. Mesmo sabendo que elas demoram algum tempo a desenvolver, tal não aconteceu. O que devo fazer? Plantei melão, ao mesmo tempo que as abóboras, mas só nasceu uma pequena folha, duas, talvez três e não cresceram. Porquê? Cumprimentos.

AM - Boa tarde. 1 – O milho não se planta, semeia-se. Este deve semear-se em Junho, depois das terras estarem devidamente preparadas e adubadas. O milho semeia-se em regos que se fazem manualmente ou mecanicamente, sendo de seguida arrasados, aguardando-se a sua germinação. A colheita é feita em Agosto/Setembro conforme o local mais frio ou quente. 2 – O repolho deve plantar-se em Maio, assim como toda a qualidade de couves. A terra deve estar devidamente preparada, deve regar-se com frequência e tratar das pragas que os podem atacar. 3 – O melão deve semear-se em Maio, depois da preparação das terras.Podemos planta-lo em fins de Maio ou princípios de Junho, principalmente aquele que se compra já germinado. O melão requer terrenos quentes, bem estrumados e adubados. Há necessidade de ter atenção às curas com produtos apropriados. Com os melhores cumprimentos,

Boa noite. Embora tenha respondido que a sementeira do milho se deveria fazer em Junho, em Abril/Maio já vi milho semeado e grande. Se eu semear o milho por volta dessa altura tem possibilidades de crescer? Em relação às abóboras, segui os vossos conselhos e tem dado resultado. Mas só crescem até 1 quilo e ficam cor de laranja. É da espécie? É possível comprar uma saca de batatas em meados de Agosto, cortá-las ao meio e deixá-las a ganhar raiz até ao mês da plantação ou tem de ser uma batata própria para cultivo?

AM - Boa tarde. Há milho para pasto e milho para alimentação. O milho que indica deve ser milho de pasto. O milho poderá ser semeado em Abril/Maio se a zona de sementeira for quente e sem geadas. O milho quer calor e humidade. Existem cerca de 760 espécies de abóbora. Algumas são nativas do Velho Mundo, outras da América do Sul, outras do México e América Central e até existem relatos nos Estados Unidos que datam de 2700 a.C. Essa espécie assemelha-se à chamada abóbora paulista, idêntica à abóbora menina só que o seu tamanho não ultrapassa um quilo/quilo e meio. Há zonas em que plantam as batatas em Março, depende do clima. Mas geralmente são plantadas em Abril/Maio. A batata só é partida na altura em que é para plantar. Se forem pequenas nem é necessário parti-las. Pode adquirir batata específica para a plantação – a batata-semente. Cumprimentos,

Isabel - Boa tarde Sou uma recém-agricultora e nessa qualidade preciso de toda a ajuda que me puderem dar. Tenho uma pequena parcela de terra que quero cultivar, mas está cheia de ervas infestantes. Como devo actuar? Chamo um trator para lavrar o terreno, ficando este pronto para receber as minhas plantações? Ou devo ter cuidados e tarefas adicionais? Cumprimentos,

AM - Boa tarde. Há 2 casos a considerar 1 – Se é para semear já, deve queimar primeiro as ervas com um herbicida de contacto. Depois de queimadas as ervas, lavre e passados alguns dias frese a terra para semear. 2 – Se é para utilizar a terra só para alturas de sementeira (Abril ou Maio), deve lavrar já para que as ervas ao voltar da terra fiquem enterradas e apodreçam. Passado algum tempo fresar para depois poder semear. Cumprimentos e ao dispor.

Filipe - Tenho uma pequena horta onde semeei pepineiros, mas alguns dos pepinos que estão em formação verdinhos e com flor de repente estão a ficar amarelados. Será excesso de rega ou alguma doença. Agradeço desde já a vossa colaboração. Com os melhores cumprimentos,

JR - Esse tipo de sintoma ocorre quando existe ou falta de água ou excesso de água. Tendo em consideração que a própria coloca como possível estar a regar com demasiada frequência, aconselha-se a dosear um pouco mais a rega.

 

?>